quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Querido amigo! Dear Friend!


 Jai Gopala!


 Jay Gurudev Prajnananada!

 
Carta a um amigo

Meu querido e divino amigo, carinhosamente eu reafirmo que através da devoção, tenho recebido muitas graças de Deus e do nosso amado Gurudev!mas não sou autorizada para ensinar técnicas, pois eu não fui preparada para isso. O que posso fazer é relatar a você o que os Yogacharyas Bramacharyas e Swamis ensinaram para todos nós de modo geral, guiando as meditações, e que eu tento colocar em pratica. Eu não sei se pratico as técnicas corretamente, mas tento seguir estes princípios:

A atenção deve estar sempre na fontanela ( as sombrancelhas erguidas ajudam a localizar este ponto na fontanela eu mesmo tenho que me concentrar muito para manter a atenção aí ) sempre não só quando nos sentamos pra meditar, mas enquanto caminhamos, conversamos, nos alimentamos. Keshari mudra sempre, a força no chacra do coração,prestar a atenção na respiração até diferenciar a respiração curta e prolongada da respiração normal ou dos kriya pranayamas. Tudo deve ser bem sutil deixando Deus e o Gurudev inspirar e expirar por nós. Respirar é um ato de entrega nós não somos donos da nossa respiração , dos nossos olhos, do nosso corpo. Nós não sabemos meditar. Quem nos guia é a força da devoção , é Deus!
Sentar pra meditar é parar para aprender com Os Mestres e com Deus , como servi-los. Por isso devemos regularmente, estar realmente alí sem querer nada, sem esperar resultados, esta é a maior prova de Amor e devoção. Sempre que tivermos oportunidade durante o dia devemos manter nosso olhar parado mas sem nos fxar em nada e observar , nem sempre isso acontece no momento da prática das técnicas. .Você poderá receber até a graça de ver a aura ( a luz divina em tudo) mas isso não tem tempo certo para acontecer, nem deve ser a nossa motivação para a meditação.Até mesmo os seres demoníacos fazem prodígios. Nós apenas servimos, segundo os propósitos divinos, por amor e com humildade!


As vezes eu caminho pela rua e percebo que eu não vejo Deus nas pessoas, meu ego vê as pessoas e as julga como belas ou não, jovens ou idosas pobres ou ricas, agradáveis ou desagradáveis, eu sinto vergonha quando vou praticar as técnicas e me vejo diante dos Mestres e de Deus, por eu ser tão egoísta e preconceituosa.As vezes as lágrimas rolam pela minha face porisso, mas mesmo assim eu fico lá, esperando sua resposta amorosa, assim que eu me desligar até mesmo deste sentimento de pequenez.
Mas assim como o Sol a cada dia , cada vez que praticamos as técnicas com amor e ternura, vamos purificando todos os nossos chacras e ficamos mais próximos de Deus e longe da ilusão da vida material. Passamos sim a ver a vida material como extensão da vida espiritual. Eu sei que tenho muito a caminhar até ver Deus em tudo e em todos sempre. Peço perdão e Oro a Deus , aos mestres e ao Gurudev para que me dê olhos de criança...Olhos do Senhor Damodara, olhos que só vêm a beleza e o reflexo da Luz Divina que está em tudo. Nós é que ainda não vemos. Mas com certeza, sendo sinceros vamos ter esta graça!
Virar os olhos para traz, ficar estrábico tendando forçar um ponto onde possam acontecer coisas trnascendentais não nos ajudam, se tivermos que imitar alguem observemos o Gurudev e devemos pedir mentalmente a ajuda dele . Quando pensamos no nosso Gurudev com carinho recebemos imediatamente sua bênção, quando ele se lembra de nós, porque nos fazemos presentes, através de uma mensagem , um cartão de agradecimento, e até mesmo quando reconhecemo uma dificuldade nossa, recebemos as bênção multiplicadas por mil . Quanta felicidade existe quando nossos olhos pairam na linha acima do horizonte relaxados sem forçar nada. Não esperando nada, o desapego é o primeiro passo para recebermos as graças de Deus em todos os setores da vida, até no momento da realização da "técnicas".
 
 

Isto vai aos poucos alterar de fato nossa visão normal, mas sem dores ou incomodos, tudo é sutil.O principal meio de saber se estamos corretos é conseguir ver Deus em tudo e em todos.. incluindo você quando está servindo sinceramente. Este é o resultado, eu penso, este é o termômetro ou a medida que nos diz se estamos no caminho certo. Não são sensações diferentes que passamos a ter. Na verdade não enxergamos com os olhos, enxergamos com nosso cérebro e temos que desliga-lo pra que nossa meditação, nosso momento de comunhão com Deus e o Guru seja limpo, sem distorções causadas pela mente.


E assim todos os dia, exercitar a olhar sem julgar, simplesmente deixar Deus olhar através dos nosso olho espiritual , o centro da alma, onde Shiva e Shakti dançam eternamente , é através dele que Deus e os mestres vão nos mostrar onde está a verdade.



Na existência material o que mais vemos são "verdades" fatos...mas quando entregamos nossa vida a Deus apenas observamos estes "fatos" ou "efeitos" , constatamos apenas , renunciamos à reação e voltamos a nos contactar com Ele, pois a verdade Absoluta não está em nós nem no Mundo, está em Deus.

ocê tem que ver se não tem algum problema de saúde nos olhos , consultar um médico é bom para poder praticar as demais técnicas me viver mais tempo e em boas condições para servir a Deus.


Eu oro por todos nós e peço a Deus e ao Gurudev nos perdoem por nossa pequena fé e devoção, por nossa necessidade de ver provas que na verdade só acontecem por necessidades percebidas pelos Mestres para poderem servir melhor a Deus, usando nossa devoção e entrega como intrumentos. Nós não praticamos nada, apenas ficamos disponíveis, assim um dia não seremos nós que viveremos, mas Deus viverá em nós plenamente, esta é a realização...é o que todos nós almejamos.

Sinto muito se não atendi ao seu apelo, mas realmente eu sou apenas uma devota que ama incondicionalmente o Gurudev, pois o Senhor Damodara mostrou pra mim com os olhos Dele, o poder de todas as formas de Deus que emana do Gurudev!
Saber como se deve praticar não é saber praticar, pois a pratica da Kriya é a entrega de tudo , de toda a nossa vida a Deus!
Que Deus ilumine a nossa visão interior e exterior!
Que o Gurudev nos Abençoe!




Letter to a friend!

My dear friend and divine, tenderly I reaffirm that through devotion, I have received many graces of God and of our beloved Gurudev! But I'm not allowed to teach techniques, because I was not prepared for it. What I can do is to report to you what Yogacharyas Bramacharyas Swamis and taught us all in general, leading the meditations, and I try to put into practice. I do not know if I practice the techniques correctly, but I try to follow these principles:

Attention should always be in the fontanel (the raised eyebrows help locate this point in the fontanel myself I have to concentrate hard to keep the attention there) where not only when we sense to meditate, but as we walk, talk, feed ourselves. Keshari mudra always, the strength of the heart chakra, pay attention on the breath to differentiate between short and prolonged breathing of normal breathing or pranayama kriya. Everything should be very subtle leaving God and Gurudev breathe in and out for us. Breathing is an act of surrender we are not masters of our breath, our eyes, our body. We do not know meditate. Who leads us is the power of devotion, God!
 Sit down and stop to meditate is to learn from the Masters and God, and serve them. So we must regularly be there without really wanting anything, without waiting for results, this is the greatest proof of love and devotion. Whenever we have an opportunity during the day we should keep our eyes without being stopped but fxar nothing and watch, not always the case when the practice of techniques. . You can receive up to the grace of seeing the aura (the divine light in all) but this is not the right time to happen, nor should be our motivation for meditação.Até even demonic beings do wonders. We just serve, according to divine purposes, for love and humility!
Sometimes I walk down the street and realize I do not see God in people, my ego to see people and judge as beautiful or not, young or old rich or poor, pleasant or unpleasant, I feel ashamed when I practice the techniques and me see before the Masters and God, because I was so selfish and preconceituosa.As times the tears roll down my face Porissa, but I still stand there, waiting for your loving response, so I turn off even this feeling of smallness.
 But just as the sun each day, each time you practice the techniques with love and tenderness, we'll cleanse all our chakras and become closer to God and away from the illusion of material life. We rather see the material life as an extension of the spiritual life. I know I have much to walk to see God in everything and everyone ever. I ask forgiveness and pray to God, the masters Gurudev and to give me child's eyes ... eyes of the Lord Damodara, eyes that just come and reflect the beauty of the Divine Light that is in everything. We do not yet see. But of course, being honest we have this grace!
Turn your eyes to bring, be squint tends to force a point where things can happen trnascendentais not help us if we have to imitate someone observe the Gurudev and mentally we ask his help. When we think of our Gurudev immediately received with affection his blessing when he remembers us, because we do present in a message, a thank you card, and even when we recognize our difficulty, we received the blessing multiplied by one thousand. How much happiness is when our eyes are hanging on the line above the horizon relaxed without forcing anything. Not expecting anything, detachment is the first step to receive the grace of God in all walks of life, even at the time of the "technical".
\rThis will gradually change the fact that our normal vision, but no pain or discomfort, it is sutil.O main means of knowing whether we are correct is to see God in everything and everyone .. including when you are serving sincerely. This is the result, I think, this is the thermometer or the measure that tells us if we are on track. There are different sensations that we have. In fact we do not see with your eyes, see with our brain and we have to turn him come to our meditation, our moment of communion with God and Guru is clean, without distortions caused by the mind.
And so every day, exercising to look without judging, just let God look through our spiritual eye, the center of the soul, where Shiva and Shakti dance forever, it is through him that God and the masters will show us where the truth lies. In material existence that we are more "truths" facts ... but we entrust our lives to God just watch these "facts" or "effects", we only gave up and returned to the reaction in contact with him, for the truth Absolute is not in us or the world, is in God.
You have to see if there is a health problem in the eye, see a doctor is good for practicing other techniques I live longer and in good condition to serve God.
I pray for all of us and I pray to God and Gurudev forgive us for our little faith and devotion, by our need to see evidence that really just happen by perceived needs by the Masters in order to better serve God by using our devotion and surrender as instruments. We do not practice anything, just being available, so a day is not we who live, but God will live in us fully, this is the realization ... is what everyone desires.
\rSorry if not attended to his call, but really I'm just a devotee who loves unconditionally Gurudev, as the Lord Damodara showed me with His eyes, the power of all forms of God emanating from Gurudev!
Learn how to practice is not whether to practice because the practice of Kriya is to deliver all of our whole life to God!
May God enlighten our vision inward and outward!
The Gurudev bless us!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo! Om Tat Sat Om